(44) 3649-5855 -Rua 1° de Janeiro, 1163 - Centro - Palotina-PR

(44) 3649-5855 - Rua 1° de Janeiro, 1163 - Centro - Palotina - PR

Notícias / artigo

Lideranças de Palotina reivindicam em prol da segurança pública


27-03-2019

Na última semana lideranças palotinenses estiveram na Secretaria de Estado da Segurança Pública e Administração Penitenciária do Paraná para entregar ofício cobrando melhorias para o setor. Estiveram em audiência com Coronel Marinho, o prefeito de Palotina, Jucenir Stentzler; o presidente da Associação Comercial, Industrial e Agropecuária de Palotina (Acipa), Laudio Soder; o presidente da Sociedade Rural, Gerson Araldi e o presidente do Conselho Municipal de Segurança, Antônio Carlos Alves Ferreira. A comitiva cobrou sobre o compromisso firmado pelo Estado para implantação da Companhia da Polícia Militar, bem como pontuou a necessidade de outras melhorias como reforço da frota; implantação de uma nova delegacia e aumento do efetivo policial na cidade. 

Confira o teor do documento encaminhado ao secretário estadual Luiz Felipe Kraemer Carbonell: “A Comunidade do Município de Palotina vem por meio deste ofício reivindicar o reconhecimento do acordo celebrado junto ao Governo do Estado do Paraná.

Diante do Acordo, que trata do compromisso assumido pela Comunidade do Município de Palotina na edificação das instalações da Companhia da Policia Militar a mesma já está se mobilizando para a efetivação do compromisso, contando que o Governo do Estado do Paraná venha cumprir o reconhecimento da Companhia e providências quanto ao Efetivo.

Neste momento, a Comunidade de Palotina vem dar conhecimento ao Governo do Estado do Paraná das condições precárias da Cadeia Pública de Palotina, com alas interditadas, sem condições de abrigar com segurança, em condições inadequadas e com péssima localização, no quadro central da cidade, em meio a cinco escolas do Maternal ao Ensino Médio, colocando diariamente em risco a segurança e saúde de todos os envolvidos.

Esperamos sensibilizar o Excelentíssimo Secretário quanto a necessidade de adequação e providências aos assuntos relatados”.